domingo, 28 de junho de 2009

Onde estão as anáguas, sedas e rendas?
Juro que não vejo.
Onde estão os guardas, bandeiras e castelos?
Juro que não vejo.
Onde estão os sapos, cavalos e príncipes?
Juro que não vejo.
Onde está tudo isso?
Juro que não encontro, juro que nã enxergo.
Será que fugiu? Fugiu com meus sapos que se transformam em príncipes, fugiu com os cavalos brancos e suas crinas esvoaçantes, fugiu com a imagem do castelo. Fugiu.
Mas, um dia ele voltará. Voltará em forma de um Sonho de Amor. Ou em um amor mesmo. Quem sabe, afinal? E aí sim, ele nunca mais fugirá de mim.

2 opiniões:

escritorasteens disse...

Oie!
"Onde está?" é uma excelente pergunta..eu vivo me questionando sobre isso...espero um dia encontrar as respostas...
Que bom q gostou do meu conto viu..
Eu tbm sempre tive o sonho de conehcer meus escritores amados e graças a Deus alguns eu ja consegui, como o Pedro Bandeira, a Angelica Lopes e a Thalita Rebouças..ainda nem acredito..
Sobre a Patricia Barboza, os livros dela sao muito legais..na parte de dicas tem falando sobre os dois q eu ja li e na parte de entrevistas tem uma entrevista com a escritora..espero que goste :D
Bjks

Carolzinha_ disse...

Foi tu que escreveu isso ?
*_*

liiindo.


Beijos.